Soldier Criminal - Cap.4

Nenhum comentário: | |
A minha tarde se resumiu em cinco palavras. TÉDIO. Antes quando Bob ainda estava vivo eu saia mais agora, com Jason aqui sou prisioneira. Eu havia ficado só com o almoço em minha barriga, sorte a minha é que sempre tenho algum doce escondido em minha bolsa. Tomei meu banho e me vesti, depois escovei os dentes, apesar de ser só 18h eu estava com sono e também já havia escurecido. Então deitei na cama e adormeci.
Acordei com o barulho de algo quebrando, eram umas 23h. Ótimo! Será que era um ladrão? Não! Primeiro: porque ninguém seria idiota suficiente para invadir a casa do “Jason McCann”. Segundo: A casa fica longe da cidade, pouquíssimas pessoas sabem onde ela fica e as que sabem são de confiança do Jason. Então me restou a terceira hipótese: Jason estava bêbado.
Levantei da cama e sai do quarto, descendo as escadas sem fazer barulho. Passei pela sala, continuei andando, avistei uma luz no escritório e fui em direção a ela. Entrei no escritório e ele estava sentado na poltrona e em cima da mesa tinha uns pós, aquilo era droga. Bêbado e drogado, deve ser meu dia de sorte.

Eu: Vamos, levanta –disse tentado tirar ele da poltrona- 

Jason: Ah, me deixa! –se soltou-

Eu: Anda Jason, levanta - tentei novamente, mas sem sucesso-

Jason: Eu quero ficar, SAI! –me emburrou-

Eu: – revirei os olhos e o puxei novamente e consegui-

Eu havia conseguido levantar Jason, saímos do seu escritório e fomos caminhando até a sala de estar. Jason estava brincando, ele estava nos emburrando de um lado pro outro, em zigue-zague. Eu acabei me desequilibrando e nós caímos no sofá, ele em cima de mim.

Eu: Você tá brincando né?! Sai de cima de mim - o empurrei e ele caiu no chão-

Ele começou a rir igual a um retardado. Mereço. O levantei do chão e começamos a andar em direção as escadas. Subimos degrau por degrau e do nada ele começa a falar um monte de besteiras, como: ‘Você é linda’, ‘você quer ver eu pular daqui’ e ‘Minha bunda é bonita’ assim por diante. Foi um sacrifício, mas conseguimos subir as escadas e melhor eu não morri. Fui em direção ao quarto dele, entrei e coloquei-o na cama, enquanto ia ao banheiro procurar algum remédio para a dor de cabeça. Porque conseqüentemente ele teria amanhã.
Voltei ao quarto e ele estava dormindo. Dormindo ele parecia um anjo, mas acordado parecia um... Parei de olhá-lo e coloquei o remédio em cima da cômoda que ficava ao lado da cama dele. Sai do quarto, encostando porta e descendo as escadas novamente. Fui à dispensa a procura de coisas para limpar o escritório. Peguei as coisas e fui ao escritório. Ele estava todo bagunçado ai de papeis jogados no chão, pó na mesa há coisas quebradas. Parei de pensar e comecei a trabalhar. Quando finalmente havia terminado de arrumar tudo era 1h da manhã, guardei as coisas de limpeza, peguei um copo d’água e subi indo ao quarto do Jason, ele ainda dormia, deixei o copo com a água em sua cômoda e fui para meu quarto descansar, peguei o sono rapidamente.
Umas 6h meu celular despertou, me levantei e fui ao banheiro, fiz minha higiene e tomei um banho e vesti o uniforme da escola, escovei os dentes e peguei minha mochila. Fiz o caminho rumo à cozinha, onde Anne se encontrava fazendo o café da manhã, pois faltavam 5 minutos pras 7h.

Eu: Oi –dei um beijo na mesma –

Anne: Bom dia –sorriu- Senta, toma o café –terminou de colocar a mesa-

Eu: Hoje não Anne. Estou sem fome - sorri de canto-

Anne: Logo hoje que fiz o café com tanto amor - fez cara de triste-

Eu: Ahm, Anne deixe pra próxima –avistei um bolinho e o peguei, guardando na minha mochila-

Anne: -sorriu- Não vai esperar o Jason? –perguntou-

Eu: Não estou atrasada pra aula, tchau - sai correndo-

Passei pela porta, olhei pros lados e não avistei Danny, dei de ombros. Dei bom dia para os seguranças e sai pelo grande portão da mansão. Coloquei meus fones e subi no skate.
Cheguei à escola antes dos portões fecharem. De volta à outra prisão.....

Comentem! Comentários incentivam a autora! E opiniões são sempre bem-vindas!
       
   Respondendo comentário anterior:
         Aline Ribeiro: Continuei  :) Que bom que gostou!  

Aviso importante

Nenhum comentário: | |

      Galera não vai dar pra postar essa semana e nem no outro pois tenho que estudar para a prova e por as matérias em dia. Então é isso e falta mais um comentário pra mim continuar. Beijos e talvez até sábado que vem.

Á prova de fogo - Capitulo 16

Nenhum comentário: | |
                                      Acampamento!


Minutos depois a diretora chega e o pessoal começa a entrar no ônibus. Coloquei minhas malas no bagageiro do ônibus e segui para a porta entreguei a diretora à autorização que Charlie havia assinado e subi. As poltronas estavam numeradas, então ninguém poderia escolher com quem sentar. A minha era 31, ela era a penúltima poltrona. Chaz e Justin sentaram juntos, eles eram a poltrona 27 e 28, então eles sentaram a minha frente. Eu sentei em meu lugar, todo mudo estava sentado em seu devido lugar e a diretora estava fazendo a contagem dos alunos, até que o Jason entra no ônibus e atrás dele vêm mais dois garotos, eles passam pelo corredor e sentam em seus lugares. Quando Jason sentou a diretora bufou e saiu do ônibus, pois só os alunos iriam ao acampamento. Um dos garotos que veio com Jason sentou ao meu lado. Seu cabelo era loiro e jogado pro lado, seu sorriso era bonito, ele me parecia legal.
Coloquei os fones de ouvido e o ônibus começou a andar. Eu havia sentado na janela, então encostei minha cabeça na mesma. Passou alguns minutos e senti alguém me cutucar, tirei os fones e olhei pro lado, era o garoto que havia sentado ao meu lado.

Xxxxx: Oi –sorriu- Sou Christian, mas pode me chamar de Chris –ele estendeu a mão em minha direção-

Eu: ....Oi –o olhei desconfiada- Prazer, me chamo (Seunome), mas pode me chamar de (SeuApelido) –apertei sua mão- 

Chris: Eu sei quem você é - sorriu-

Eu: Sabe? –disse confusa- 

Chris: Claro, eu nunca tinha te visto antes. Você é novata, somos da mesma sala –falou sorrindo, pelo jeito as noticias naquela escola correm- 

Eu: É....Mas se somos da mesma sala, porque nunca havia te visto? –perguntei-

Chris: Ah, é que eu não freqüento muito as aulas - disse e eu assenti-

Eu: Entendo. Você é do grupo do Jason –ele assentiu- Hmm, já te vi com ele - sorri de canto-

Ficamos conversando sobre muitas coisas, ele era legal. Ele me disse que tinha uma irmã, mas não morava com ela. Ele também me disse um pouco sobre o Jason. Ah, e o garoto que sentou ao lado do Jason é o Ryan, ele também faz parte o grupo do Jason.  Paramos de conversar quando Ryan chamou Chris, ele não parecia ser tão simpático quanto o Chris. Quando percebi que o Chris não voltaria tão cedo, coloquei os fones e encostei minha cabeça na janela, fiquei assim olhando a paisagem.
Havíamos chegado ao acampamento, até que não havia demorado tanto. Chris já havia voltado a sentar ao meu lado, mas ficou calado. Estranhei mais deixei como estava. Todos desceram do ônibus, quando eu estava para passar no corredor, um ser passa na minha frente e quase me derruba, sorte que me segurei na poltrona da frente. O ser era Jason McCann. Que ótimo, além dele quase ter me atropelado no meu primeiro dia e aula, agora quase me derruba, acho que ele quer me matar.
Depois desse incidente, finalmente desci do ônibus, fui em direção a Chaz e Justin, eles já haviam pegado minhas malas.

Chaz: Há onde você estava? –perguntou-

Eu: Em lugar algum, só demorei a descer –peguei minhas malas- Obrigada - disse me referindo as malas-

Ele sorriu, e nós ficamos escutando um dos monitores que cuidará de nós essas duas semanas. Ele falou sobre como funciona o acampamento e as atividades que ele oferece. E nos deu um folheto que tinha os horários do café da manhã, almoço e jantar. Depois de toda explicação, ele começou a dizer quem dormirá com quem.
Chaz, Justin e Chris dormiriam juntos mais em camas separadas, óbvio. E quando chegou á minha vez, eu fiquei com Jason e Ryan. Eu havia sido única a ficar com garotos, o monitor disse que foi porque na minha sala havia poucas garotas e nos alojamentos em que ficaríamos só contem três camas para três pessoas. Então era isso, o monitor tinha assinado minha sentença de morte, claro, porque se o Jason quase havia me atropelado e quase me derruba, me matar seria o próximo passo ou não.....


      Comentem! Comentários incentivam a autora e são sempre bem-vindos!




Fanfic Dream or nightmare? Cap 7

3 comentários: | |

   Anne P.O.V
     Até que a Pattie entrou no meu quarto.
 Conversa On:
Eu: Oi Pattie
Pattie: Oi meu amor. Como você está?
Eu: Estou bem e você?
Pattie: Bem. Você deve está se perguntando o que eu vim fazer aqui né? Então vim falar da sua mãe sei que você deve lembrar um pouco dela né?.- eu apenas balancei a cabeça e ela continuou a falar.- A sua mãe ela muito especial pra mim e pediu pra mim te falar o quanto ela te queria e o quanto te ama entre outras coisas que eu prefiro explicar ao longo da história.- disse com lágrimas nos olhos
Eu: Pattie.- falei me segurando para não chorar pois falar sobre a minha mãe ainda dói em mim.- Por favor agora não.- falei chorando.- Eu não estou preparada para ouvir isso.
Pattie: Ok. Quando estiver preparada é só procurar ok?
Eu: Ok.- ela saiu do meu quarto e eu comecei a chorar. De novo chorando pelo mistério da morte da minha mãe. Eu preciso saber mais sobre ela mais eu não estou preparada ainda. Adormeci entre o meus choros. Acordei com alguém batendo na porta. Tirei a remela do meu olho e fiz um coque em meu cabelo e abri a porta.- O que quer Justin?
Jus: vamos jantar e depois vai se arrumar pra irmos a balada ok?
Eu: Ok. Vamos descer logo
Jus: Ok.- descemos e fomos para a cozinha
Eu: Boa Noite.- sorri pra eles
Todos/ eu e jus: Boa Noite
Eu: vô você deixou eu ir a balada com o Justin ?
Vô: Deixei.
Eu: Obrigada.- sorri sem mostrar o dente e jantei. Quando terminei fui para o meu quarto e fui direto para o meu guardar roupa procurar uma roupa para usar. Quando achei um para o banheiro tomar o meu banho. Tomei o meu banho me sequei e pus o meu roupão e fiz escova e prancha em meu cabelo depois que fiz isso passei babyliss ( não sei escrever sá merda ) em meu cabelo o cacheando. Quando terminei fiz um make e depois me vesti com essa roupa.

Depois que me vesti pus o meu sapato e logo já estava pronta. Tirei uma foto e postei no instagram.
Desci e fui para a sala esperar o Justin. Depois de alguns minutos o Justin desceu
Eu: Vamos?
Jus: Vamos.- saímos de casa e entramos em sua Ferrari.- se divirta
Eu: Ok. Você também.- ele não respondeu e deu a partida no carro.. Depois de uns minutos chegamos em frente a boate. O Justin deu a chave ao manobrista e fomos até a entrada da Boate.
Segurança: Identidade por favor.- falou com uma cara muito assustadora
Jus: Somos convidado.
Seg: De quem ?.- falou pegando a lista de convidados
Jus: Pelo dj David.- falei
Seg: Qual é o nome de vocês?
Jus: Justin e ela é a Anne
Seg: Justin de que ?
Jus: Justin Drew Bieber
Seg: E você moça ?
Eu: Anne Rose Houston
Seg: Podem entrar.- disse dando espaço pra passarmos e nisso que eu passei logo atrás do Justin eu senti ele passar a mão na minha bunda então eu resolvi voltar.
Eu: Quem você pensa pra passar a mão na minha bunda?.- falei tentando ser calma
Jus: O que houve Anne?
Eu: Esse segurança passou a mão na minha bunda.- nisso que eu falei o Justin ia dar um soco em sua cara mais eu disse.- Justin. Não eu vou falar com o dono disso aqui
Jus: Ok.- saímos de lá e fomos para o camarote fechado e ficamos olhando dali de cima tudo o que estava acontecendo ali embaixo.- Quer algo pra beber ?
Eu: Eu aceito.
Jus: Ok já volto.- Falou saindo dali e indo até o barman. Fiquei ali dançando até que o Justin chegou com uma bebida transparente eu não sabia o que aquilo era.- Beba em um gole
Eu: Ok.- eu o obedeci e quando virei tudo de uma vez eu apenas senti queimar e o Justin riu.- Porque está rindo ?
Jus: Da sua cara
Eu: Idiota.- bati nele.- Trás mais três
Jus: Ok.- saiu de lá e trouxe mais três daquilo. Bebi os três de uma vez. E quando terminei fiquei bastante animada eu pulava eu ficava fora de si
Eu: Beba também Justin.- falei alto
Jus: Ok.- ele foi lá e pegou umas cinco bebidas daquilo e bebeu tudo de uma vez e ficou agitado igual a mim.- Vamos para um lugar bem melhor que aqui?
Eu: Vamos.- saímos da boate e fomos para um lugar que parecia ser um beco. O Justin comprou maconhas e fomos para o carro. Entramos no carro e ficamos na parte de trás. Fumamos tudo aquilo e tivemos uma ideia de voltar pra casa. O Justin estava indo em alta velocidade e que quase bateu em um poste mais logo o Justin diminuiu a velocidade pois estava perto de casa. Saímos do carro e entramos em casa. Fomos para o meu quarto e o Justin começou a me beijar. Começou a tirar a minha roupa...
 Justin P.O.V
  Hoje o dia foi corrido. Eu e a Anne fomos ao mercado fizemos compras e depois voltamos pra casa. Convenci o avô da Anne de deixa-la ir a balada ele deixou e como eu só iria pra balada mais tarde fui a praia a procura de gostosa para me aliviar. Comi umas duas gostosas e quando eu já estava cansado fui para a casa.. Fiquei assistindo tv e quando deu umas 21:00 horas fui falar com a Anne para se arrumar. Ela foi se arrumar e eu fiz o mesmo. Tomei o meu banho e sequei o meu cabelo com o secador. Fiz o meu penteado e me vesti assim.
 Quando eu já estava pronto desci e vi a Anne me esperando. Fomos para a Balada e o segurança de merda passou a mão na bunda da Anne eu não liguei muito mais eu quero que eu passe pra ela que eu a amo. Dei quatro tequilas a ela e ela logo foi a loucura. Bebi cinco e não fiquei louco. Depois fui apresentar a minha namorada a maconha. E ficamos loucos juntos. fomos pra casa e quase bati no poste. diminui a velocidade pois já estava chegando em casa. Pus o meu carro na garagem e entramos em casa e fomos para o quarto da Anne e...
   
    Gente continuarei com 3 comentários ok? E me desculpem por esse capítulo pequeno e é isso até depois.

Voltei e Bem-vindas!

Nenhum comentário: | |




Fiquei esses dias sem postar, mas já voltei. Bem-vindas novas leitoras, espero que estejam gostando do que o blog oferece. E opiniões sempre são bem-vindas, como comentários também são. Há uma enquete, e seria legal se vocês participassem dela e participassem do blog também. Obrigada! - Dud's


Soldier Criminal - Cap.3

Um comentário: | |
Eu já havia terminado de arrumar à cozinha e Jason continuava ali sentado à mesa, só que agora mexendo no celular. Me virei em sua direção e cruzei os braços.

Eu: Diz – disse indiferente -

Jason: Hmm - ele deixou o celular de lado e me olhou- Agora não me venha com as suas desculpinhas... –o interrompo- 

Eu: A culpa é sua! - disse rápido-

Jason: Minha culpa! –gargalhou- Me poupe Ellie, é sempre você que estraga tudo. Porque você faz isso. Hein? –Não respondi sua pergunta, acho que ela é obvia- 

Eu: Sua culpa sim! Vive trazendo pra cá essas vadias. E a casa não é só sua, você só veio morar aqui por mim - disse e ele se levantou da cadeira-

Jason: -gargalhou- Eu trago quem eu quiser aqui, eu é que mando não se esqueça, você depende de mim. E se eu fosse você começava a me respeitar - disse com o dedo no meu rosto-

Eu: Eu não tenho medo de você, você é igual cachorro, late mais não morde - disse e depois fui saindo da cozinha. Até que Jason agarra meu braço e me coloca na parede. Bati minhas costas na parede, o que doeu muito- 

Jason: Escuta aqui. Você não me conhece, não me deixe irritado porque eu juro que... –o interrompo- 

Eu: Jura o que, hein –gritei- Vai me bater é, você vai me bater Jason. Eu já disse e repito ‘não tenho medo de você’ –Me soltei dele e subi as escadas rapidamente, entrando no meu quarto trancando a porta- 

Jason #ON

Quando Ellie subiu não fui atrás, por quê? Porque se eu fosse com certeza a mataria. Descontei minha raiva na parede, eu sabia que minha mão ficaria doendo, mas foda-se. Essa garota me irrita. Vadia. Vadia. Vadia.
Sai desses pensamentos, quando me decide que iria sair, eu tinha que resolver umas coisas com os caras. Peguei minhas chaves na mesa de centro e sai daquela merda, mas antes mandei os seguranças ficarem de olho naquela garota e não deixarem-na sair do quarto. Fui pra garagem e entrei no meu Bugatti, arrumei meu cabelo e logo acelerei meu bebê. 


Jason #OFF

Respirei fundo e encostei-me à porta descendo lentamente até sentar no chão. Dessa vez eu havia escapado. Ouvi o som de motor e levantei do chão indo à janela. Era Jason.
Abri a porta e olhei pelos lados, sem sinal dele. Quando estava passando pela porta.

Segurança: O senhor Jason não deixa você sair –um dos Brutamontes de Jason parou em minha frente-

Eu: Que ótimo! Agora estou presa na minha própria casa – bufei-

Fechei a porta na cara do segurança. Deitei na cama e fiquei fitando o teto, até que ouvi meu celular tocar.

Eu: Oi, Danny – me sentei na cama e sorri-

Daniel: Eu liguei, porque eu soube que alguém está presa –riu-

Eu: Ria, porque isso é uma piada. Foi àquele idiota do Jason - bufei e me deitei novamente-

Daniel: O que você aprontou, hein?

Eu: Nada! A gente iria conversar sobre a vadia do dia. Ai, ele ficou irritado e já viu no que deu né - ri-

Daniel: -gargalhou- Tá, que tal amanhã depois da escola a gente sair?

Eu: Isso é um convite?

Daniel: É né. Fiquei com pena de você. -ouvi sua risada- Tô brincando, e ai, vamos?

Eu: Claro, comida de graça e ficar longe do Jason, é  o paraíso –ri-

Daniel: Marcado então. Tchau princesa!

Eu: Tchau Danny - sorri e logo depois desliguei-

Seria ótimo, um dia sem Jason McCann, é um dia no paraíso.....


Comentem! Comentários incentivam a autora! E opiniões são sempre bem-vindas!

Fanfic Dream or nightmare? Cap 6

Um comentário: | |
   Anne P.O.V
    Conversa On:
    Vô: Precisamos conversar.- quando ele falou isso eu pensei '' Ih fodeu. Ele viu eu e o Justin de mãos dadas''
    Eu: Ok. Oi senhorita...
    ?: Só me chame de Pattie querida
     Eu: Como quiser Pattie.
     Vô: Essa aqui é a melhor amiga da sua mãe a Patricia a mãe desse rapaz
     Eu: Vô você já conhece ele
     Vô: Conheço ?.- perguntou desentendido
     Eu: Ele é o Justin Bieber da escola
     Vô: Bem que ele me lembrava alguém mas eu não recordava
     Eu: Era isso que o senhor queria vô ?
     Vô: Sim e quero que você vai com esse rapaz ao mercado
     Eu: Vô eu estou cansada deixa pra amanhã de manhã ok ?
     Vô: Mas o que vamos jantar?
     Eu: Jantamos Pizza
     Pattie: Boa ideia
     Jus: Eu vou na pizzaria comprar ok?
     Vô: Ok.- a pattie deu o dinheiro para o Justin e o Justin foi comprar a pizza
      Eu: Vou tomar um banho ok?
      Vô: Ok.- sai de lá e fui para o meu quarto tomar um banho. Tomei o meu banho e me vesti assim.
        Fiz um rabo de cavalo em meu cabelo e me deitei na cama e fiquei lendo um pouco do meu livro até que alguém bate na porta
Eu: Entra.- falei um pouco alto e a pessoa entrou no quarto.- Ah é você? O que quer?
Jus: O seu avô está mandando você descer para comer.- disse olhando para o meu quarto.- Nada mau
Eu: Sei disso. Vamos descer?.- perguntei
Jus: Vamos.- disse mordendo os lábios
Eu: Credo tarado
Jus: Nem sou
Eu: Nem um pouco.- falei irônica e descendo com ele.- Vamos comer?
Todos/ eu: Vamos.- fomos para a cozinha e sentou eu e meu avô e o Justin e a Pattie na nossa frente. Cortamos a pizza e colocamos uma fatia no prato. Comemos em silêncio e quando eu estava cheia me despedi do pessoal. Fui para o meu quarto, escovei os meus dentes e me deitei para dormir.. Acordei hoje ás 09:00 horas da manhã e como eu tinha prometido ao meu avô que eu iria no mercado me levantei e fui tomar o meu banho pra poder ir. Tomei o meu banho e me vesti assim.
 Penteei o meu cabelo e depois pus a toca e fiz um make leve. Desci e quem estava na cozinha era a Pattie, Meu avô e Justin
Eu: Bom dia
Todos/ eu: Bom dia
Eu: Vô me da o dinheiro pra mim ir logo fazer as compras
Vô: Toma. A Pattie vai te dar a lista do que comprar.- disse me dando o cartão em minha mão
Pattie: Toma Anne e o Justin você vai com ela
Jus: Ok. Espera me arrumar
Eu: Ok.- tomei o meu café da manhã e fui subir para escovar os dentes. Desci e o Justin estava na sala me esperando.- Vamos?
Jus: Vamos.- disse pegando a chave do carro e saindo de casa. Entramos no carro e o Justin disse.- Vamos á balada hoje?
Eu: Ok. Só não sei se o meu avô vai deixar
Jus: Eu peço a minha mãe para pedir
Eu: Ok.- o Justin deu partida no carro e fomos a caminho ao mercado. Chegamos no mercado pegamos um carrinho e fomos procurar as coisas que estava na lista.. Já estávamos colocando as coisas dentro do porta-malas e um garoto chegou e falou.
Garoto: Me da o seu número? Eu gostei muito de você.- disse me olhando de cima a baixo
Jus: O que está acontecendo aqui ?
Eu: Nada. Eu não sei o meu número de cabeça
Jus: Cara meti o pé. Ela já é minha
Garoto: Acho que não hein cara
Eu: Justin vamos? O meu avô vai me matar
Jus: Ok.- disse me esperando entrar no carro pra depois entrar
Eu: O que houve em você maluco ?.- falei o olhando
Jus: Sei lá
Eu: Ish doideira. Anda logo com o carro.- falei nervosa. Ficamos o caminho todo quietos e depois eu resolvi quebrar.- Que horas vamos a boate hoje?
Jus: 22:00 horas
Eu: Ok.- nisso o Justin estacionou o carro em frente a casa. Tiramos as compras do carro e colocamos na cozinha. Fui para o meu quarto e fiquei lendo um pouco o meu livro até...

  Gente depois eu posto mais ok? E não se esqueçam de comentar eu preciso da opinião de vocês. Obrigada beijos da Naty

Believe In Me - 1° Capítulo

2 comentários: | |

- Você não sabe o quanto você me decepciona .
- Você não acredita em mim , Cloe?
- Não , eu quero que saia da minha casa , agora.
- Por favor me escuta , amor.
- Eu já mandei você sair , eu não quero ouvir nada que venha de você, agora sai.
- E nossa Filha ? E o nosso amor?
- Quando ela nascer , não se preocupe eu direi que você é o pai dela e você poderar vê-la , enquanto nosso amor - ri - Você acabou com ele quando me traiu com minha MELHOR AMIGA. - gritei a última parte.

Ele abaixou a cabeça e se levantou do chão no qual estava  de joelhos , olhou para mim deixando suas lágrimas saírem .

- Posso pelo menos te dá um abraço .
- J...- me interrompeu .
- Por Favor , só um .- caminhou até mim.
- Ta bom .

Ele veio até de cabeça baixa e me abraçou  , eu mesma precisava daquele abraço , sentir seu perfume pela última vez antes de partir , eu iria para bem loge dali , da casa dele , daquele país.

- Eu preciso ir . - Disse indo até a porta.
- Deixa que eu saio , pode ficar com a casa e ...
- Eu não quero ...Eu vou pra alguma pensão até conseguir me ajeitar , Adeus.

Sinceramente estar saindo da casa dele de perto dele vai ser ótimo , não quero minha filha mesmo antes de nascer na boca desses paparazzis inúteis , Eu mesma já não gostava disso .

Agora só quero voltar para o lugar onde eu cresci , com minha família , amigos e etc , Depois peço desculpas a jasmine , ryan , chaz , chris e os outros principalmente a pattie e Dianna.

- Me deixa passar , estou com pressa. - Disse para o paparazzi a minha frente , flashes e flashes para todos os lados , já estava ficando tonta , não iria conseguir passar sozinha.- KENNY.

- Oi pequena. - disse vindo a mim e logo conseguiu me tirar dali.- Pronto , tem certeza que vai embora? pensa primeiro você esta de cabeça quente.

- Eu não quero ficar nem mais um minuto aqui , eu preciso ir , me entende. - tudo que eu menos queria era magoar esse grandão que sempre tinha um sorriso no rosto , que nesse momento eu não via.- Hey , Sorri pra mim não quero que fique mal , eu juro que um dia eu volto. - disse deixando as lágrimas cairem e vi ele sorri forçado .- Eu juro que eu volto.

- Promete? - perguntou sorrindo.
- Claro que sim.- sorri.
- Mantém contato ta bom?- sorriu me abraçando.
- Tudo bem , agora preciso ir.

Disse assim e o olhei sorrindo e entrei no taxi , vi a caitlin sair da mansão chorando , ela correu em direção ao taxi e se ajoelhou em frente a minha porta .

- Me desculpa , por favor amiga , me esculta. - Soluços atrás de soluços.

- É tão repugnante te olhar desse jeito , eu queria tanto que isso não estivesse acontecendo , mais a culpa não foi minha e sim sua e dele , você irá se arrepender ou não , mais quando isso acontecer vai ser tarde demais.

- Eu estou arrependida.- disse pegando na minha mão mai eu logo tratei de soltar a dela.

- Como eu disse , É tarde demais para se arrepender , adeus Caitlin Vitoria.- Olhei para ela e por fim para a pattie que chorava e muito.- Me desculpa , pattie.

Disse para o motorista dar a partida e assim ele fez , logo chegamos ao aeroporto , era muito perto da casa dele , então foi rápido.

������������������������

Continua??
COMENTEM

Mini Imagine

Nenhum comentário: | |
Sorry por não ta postando é q ta ruim minha NET 

Você e Niall namoram e você esta na sua casa com ele e com os meninos até que você fala:
Você: Meninos, deixem o Niall sentar do meu lado porque ele é MEU namorado e eu tenho mais direito que vocês!- faz bico-
Liam: O Niall é só meu, morra de inveja

Você: Aaaaaaaaaaaah Liam para de graça e me devolve meu Nini.
Liam: Nops!
Você: Para de ser chato Liam, o que que te deu hoje hein? Tá de TPM? Só pode tá insuportavel!- faz bico novamente-
Zayn: Solta ele, Liam deixa ele ir lá com a SeuNome!

Liam solta Niall e ele vai assim até você:
(Imagine só o Nialler)
Você: Viu ele me ama!

Liam faz uma careta engraçada

Liam: Não precisa jogar na cara!- faz bico-
Niall: Eu te amo Liam!
Liam: Viu viu!- mostra a lingua pra você-
Niall: Mas eu amo a SeuNome muito mais... Sem ofensas!
Liam: Tudo bem eu ainda tenho os meninos

Sorry!

Nenhum comentário: | |
Oi, desculpem não estar postando, mas é que não estou tendo tempo para postar. Essa semana está toda corrida, muitas coisas para fazer. Mas quarta talvez eu volte! - Dud's

Fanfic Dream or nightmare? Cap 5

Nenhum comentário: | |

   Anne P.O.V
     Acordei as 05:00 e me levantei para tomar o meu banho. Tomei o meu banho e me vesti. Passei um make leve e penteei o meu cabelo. Logo em seguida já estava pronta. A Minha roupa é assim.

  Quando já estava  pronta peguei a minha bolsa e sai de casa pois eu ouvi o barulho ta buzina do menino que iria me levar a Malibu. Sai de casa e vi o Justin sentado no capôr de seu carro.
Conversa On:
Eu: O que está fazendo aqui Justin ?. Vou entrar ok? O garoto vai vim aqui me buscar
Jus: O garoto sou eu Anne. Eu que sou o filho da melhor amiga da sua mãe
Eu: Eu não acredito. O que eu fiz para merecer isso?
Jus: Não se acostume ok ?
Eu: Af. Vamos logo Justin.- falei abrindo a porta do carro e entrando em seu carro. O Justin entrou no carro e deu a partida.
Jus: Vamos passar férias juntos? Que demais
Eu: Isso não é demais Justin
Jus: É sim. Vou te levar para a balada juntos
Eu: Não gosto desses lugares. Eu prefiro eu e o meu livro em meu quarto
Jus: Mas você já foi em uma pra saber?
Eu: Não
Jus: Então vamos comigo
Eu: Ok ok Bieber.
Jus: Ah. Finja que estamos namorando e resolvemos contar agora ok?
Eu: Nada disso Justin. Eu não irei mentir para o meu avô e nem para a sua mãe
Jus: E como vamos fazer para ficarmos?
Eu: Sei lá. Mas eu não vou mentir pra eles e acabou
Jus: Ok.- ficamos o resto do caminho quietos e depois de longas horas de viaja finalmente chegamos em Malibu.- Será que é essa á casA
Eu: Acho que não olha como ela é
Jus: Verdade vou ligar pra ela.. Depois que ele desligou o telefonema e falou.- Essa é a casa.- falou a olhando novamente. A Casa é assim

 Eu: Vamos entrar ?
 Jus: Vamos.- entramos na casa e eu e o Justin fomos correndo atrás do quartos eu entrei em um perfeito e falei
Eu: Pegou um quarto bom Bieber?.- gritei
Jus: Um pouco e você?.- gritou
Eu: O meu é perfeito.- gritei
Jus: Daqui a pouco vou ai.- gritou
Eu: Ok.- falei indo arrumar esse quarto pois estava cheia de poeira.. Depois de um tempo arrumando esse quarto resolvi por as minhas roupas dentro do guarda roupa.. Pus a minha roupa no guarda roupa e olhei para o meu quarto que ficou assim.

 Fui pegar uma roupa para ir á praia e fui tomar o meu banho... Tomei o meu banho e pus essa roupa.

  Quando eu já estava pronta sai do quarto e desci para comer algo e vi que não havia nada no armário.
 Eu: Vai querer ir á praia ?
 Jus: Vamos. Só espera eu tomar banho ok?
 Eu: Ok, só não demora
 Jus: Ok.- falou subindo e indo para o seu quarto. Fiquei ali durante uns minutos sem fazer nada e então eu resolvi ir no meu quarto pegar dinheiro pra comer algo. Peguei o dinheiro e desci.- Vamos?
Eu: Vamos.- saímos de casa e fomos para a praia que tinha em frente. Comprei um cachorro quente e uma coca- cola. Comi em silêncio e depois que terminei resolvi ir ao shopping comprar um celular pra mim.. Fui ao shopping do lado e comprei um Iphone 5c azul comprei um chip e pus crédito nele e fui para a praia de novo. Configurei o celular e o Justin disse.
Jus: Salva o meu número ai
Eu: Ok.- passei o celular pra ele e ele salvo o número.- vamos tirar uma selfie ?
Jus: Vamos.- tiramos a foto e a foto ficou assim.

Eu: Ficou legal.- falei voltando a me sentar
Jus: Me passa?
Eu: Ok.- passei a foto pra ele e fiquei ali pegando sol e o Justin tinha ido tomar banho na praia. Depois que deu umas 18:00 horas eu resolvi ir andar na praia para ver o pôr do sol.- Eu Justin eu vou andar um pouco se quiser pode entrar
Jus: Eu vou com você.- disse vindo correndo até mim molhado
Eu: Ok.- andamos um longo período na praia e depois que cansei resolvi me sentar. Me sentei e fiquei vendo o pôr do sol. Quando o pôr do sol já havia ido embora chamei o Justin para voltar comigo. Ele concordou e fomos o caminho todo em silêncio até que no percorrer do caminho um garoto gritou
Garoto: Que isso gata.- nisso o Justin pois a mão em minha cintura e foi andando mais rápido
Eu: Ok houve Justin?.- nisso o garoto ficou frente á frente com a gente
Jus: Amor já está tarde e já quero ir embora. Vamos por favor
Garoto: Sei que ela não é a sua namorada mané. Da pra ver
Eu: Ele é sim o meu namorado.
Garoto: Só acredito vendo
Jus: Ok.- disse me puxando para um beijo que meu Deus. Eu havia ficado sem fôlego e me separei dele com dois selinhos.- agora acredita?
Garoto: Acredito. Foi mal mané
Jus: De boas.- saímos de lá de mãos dadas e sorrindo feito bobos. Quando chegamos perto de casa soltamos as nossas mãos e cada um foi para o seu quarto. Tomei o meu banho quando terminei desci e vi a mãe do Justin e o meu avô
Vô: Precisamos conversar...

Aviso

Nenhum comentário: | |

Eu Tava Lendo Believe In Yourself ,Ta meiio chatoo EU acho q vou apagar e fazer outra Bye Grazi

Aviso!

Nenhum comentário: | |

Amores ta meio difícil pra mim posta Believe in yourself mas assim que ser eu posto dois de uma vez ... Bye Grazi

Fanfic Dream or nightmare? cap 4

Nenhum comentário: | |

  Anne P.O.V
    Acordei hoje um pouco mais cedo para me arrumar para o último dia de aula Aeeee. Então me levantei e fui para o meu guarda roupa e escolhi uma roupa normal para ir a prisão. Depois que achei tomei o meu banho e me vesti. Quando já estava pronta desci para tomar o meu café da manhã.
Conversa On:
Eu: Bom Dia vô.- falei o abraçando 
Vô: O que te mordeu netinha ?
Eu: Hoje é o último dia de aula.- falei com um sorriso de orelha a orelha
Vô: Estou imaginando quando eu for te contar a surpresa
Eu: Fala vô, fala vô.- falei mais contente ainda
Vô: Vamos para Miami 
Eu: SÉRIO VÔ?.- Gritei
Vô: Sério netinha.- disse rindo
Eu: Vamos que dia?
Vô: Amanhã de manhã
Eu: EEh.-peguei a minha torrada e o meu suco e fiquei comendo. Quando terminei escovei os meus dentes e peguei o meu material escolar e depois desci.- Vô até daqui a pouco
Vô: té.- Sai de casa e fiquei em frente ao ponto de ônibus. O ônibus da escola havia chegado então entrei e me sentei em meu lugar... Depois de um tempinho chegamos na escola, sai do ônibus e fui para um banquinho que tinha de baixo da árvore e fiquei lendo um pouco do livro. Até que tocou o sinal. Me levantei e fui para sala. Me sentei em uma cadeira e fiquei esperando o professor chegar... Ele deu a sua aula e depois entrou mais uma professora, bateu o sinal para o intervalo. Peguei as minhas coisas e fui para o corredor. Guardei o meu material e fui para o refeitório. Comi e depois que terminei fui para debaixo da árvore ler. Fiquei lendo até que sinto que alguém se aproximou. Olhei para a pessoa e disse.
Eu: O que quer aqui ?
Jus: O que houve amor? Eu apenas vim pedir o meu beijo de bom dia.
Eu: Fala sério Justin. Me deixa. Eu quero ler se você não percebeu
Jus: Só irei te deixar em paz quando me der um beijo
Eu: Fique ai esperando seu beijo.- voltei a minha atenção do livro e sinto que o idiota do Justin tinha tirado o livro da minha mão
Jus: Vai amor me dar um beijinho.- disse fazendo beiço
Eu: Me devolve esse livro Justin
Jus: Te devolvo mas antes quero um beijo
Eu: Justiiin, por favor
Jus: Um beijo e te devolvo.
Eu: Af.- dei um selinho nele e disse.- me devolve agora
Jus: Um beijo.- o puxei e dei um beijo de tirar o fôlego.- nada mal
Eu: Agora me devolve
Jus: Ok amorzinho.- disse na irônia 
Eu: Agora pode ir. Tchau
Jus: Tchau.- falou saindo de lá. Fiquei lendo o meu livro até que tocou o sinal para voltarmos pra sala, no caminho vi uma cena muito nojenta do Justin beijando a Vanessa. Passei reto e peguei o meu material e fui para a sala... As aulas havia acabado e eu estava ni desespero de ir pra casa. Peguei as minhas coisas do armário até que eu sinto uma mão em minha cintura me virando para ver o ser.- Pensou que ia embora sem me dar um beijo de despedida?
Eu: Justin chega de beijo ok? agora tenho que ir pois tenho que fazer várias coisas.
Jus: Tipo?
Eu: Tenho que ir ao shopping mudar o visual e comprar um biquíni 
Jus: Ui a nerd vai se transformar
Eu: Af Bieber. Estou indo.- me virei mais ele puxou a minha mão me colando aos armários de novo.- O que agora hein?.- falei nervosa
Jus: Que tal fazermos uma programação de namorados. Hoje ?
Eu: Não Justin
Jus: Vamos vai, é bom que eu te ajudo a escolher uma roupa que pessoas populares usa 
Eu: Ok Ok. Apareça no shopping as 15:00 horas
Jus: Eu te busco na sua casa
Eu: O meu avô me mata
Jus: Vai não.
Eu:Ok Bieber. Tchau.- sai de lá sem dar um beijo nele e fui pegar o meu ônibus. Entrei no ônibus e fiquei ali vendo as pessoas rindo de algo que espero ser engraçado. Cheguei em casa e avisei o meu avô que eu iria ao shopping mudar meu visual ele gostou da ideia e me deu até o seu cartão.. Fui para o meu quarto tomei um banho  e me vesti.. Desci, almocei e depois que terminei escovei os dentes e logo em seguida ouvi um barulho de buzina.. Desci e me despedi do meu avô e entrei no carro do Bieber.- Vamos logo
Jus: Ui, Ok mandona.- nisso ele deu a partida no carro e durante a viagem ficamos ouvindo uma música bem bacana que era Work Up da Little Mix. Chegamos no shopping e a primeira coisa que fizemos fomos comprar roupas para mudar o guarda roupa e biquínis. Comprei tudo que precisava tipo: Maquiagem, perfume, desodorante, calcinha, Sutiã, Biquíni, Brincos, colares, relógio, anéis, bolsas e por ultimo sapatos. (Ps: O Justin não comprou calcinha e sutiã com ela ok?).. Saímos da loja de roupas e fomos ao salão a moça fez uma transformação e quando terminou eu fiquei de cabeça baixa pois fiquei com vergonha.- Levanta a cabeça pra ver como você ficou.- falou um pouco rápido mais eu entendi. Levantei assim.
  
 E o Justin disse.- Uau.- disse fazendo essa cara me fazendo rir.

Eu: Vou colocar uma roupa e vamos lanchar ok?
Jus: O-o-ok.- disse balançando a cabeça.- sai de lá e pus um vestido bem bonito. fiquei assim
 Sai do banheiro e falei para o Justin.
Eu: Vamos
Jus: Vamos.- disse pegando em minha mão me fazendo solta-la. Paguei a minha transformação e agradeci e sai de lá com o Justin e fomos na Subway. Compramos um Sanduíche e comemos... Quando terminei de comer limpei a minha boca e falei.
Eu: Justin vamos embora? Estou cansada
Jus: Ok.- saímos do shopping e fomos para o carro e o Justin deu a partida.. Chegando em frente a minha casa dei um beijo no Justin como despedida e sai do carro.
Eu: Vô cheguei
Vô: Meu Deus, a minha neta ficou mais bonita.- disse sorrindo bobo
Eu: Haha. Vô vou dormir ok? beijos te amo
Vô: Neta amanhã você acorda cedo pois você vai mais cedo no carro com o filho da melhor amiga da sua mãe ok?
Eu: Ok. E o senhor vai com quem?
Vô: Vou com ela mais tarde
Eu: E porquê não posso ir com o senhor?.- falei olhando pra ele
Vô: É porque quero que você curta a praia e eu só devo chegar a noite
Eu: Ok. O menino vai chegar que horas?
Vô: As 06:00 eu vou está dormindo então não acorde tarde ok?
Eu: Ok.-sai da sala e fui para o meu quarto e fui tomar o meu banho. Coloquei o meu pijame e pus o meu celular pra despertar e carregar é claro. Apaguei a luz, me deitei e dormi.

Only Friends {1}

Nenhum comentário: | |

Katherine Colins 

Estava dentro do carro com o Jason o silêncio que já estava a me irritar o olhei e ele apenas olhava pra porta daquela casa 
- acho que não devíamos está aqui Jason 
- Cala a boca - falou ele grosso como sempre - 
- Grosso - 
- Ja mandei você calar a boca vai acabar com o plano 

logo vi um cara sair daquela enorme casa Jason deu um sorriso psicopata e ligou o carro ele acelerou o carro e atropelou o cara o olhei 

- está louco ? 
- Sou Jason Mccan Baby 
 - Foda -se que você é Jason Mccan 

ele riu e deu a ré no carro passando por cima do cara outra vez depois desligou o carro e saiu do mesmo meus olhos o acompanhavam ele tirou a arma da sua cintura e começou a atirar no cara logo depois parou de atirar olhou pra um lado e pro outro colocou a arma na cintura de novo e cuspiu no cara ele entrou no carro ele me olhou e ligou  o carro saindo dali 

- porque não me avisou que era isso que iriamos fazer ? - perguntei -
- você ia estragar com o plano - falou colocando a mão em minha coxa - 

Jason ficou alisando minha coxa desnuda por causa da saia levemente curta ele mordeu os lábios olhando pro decote da minha blusa e eu apenas cruzei os braços e olhei pra frente 

- eu nunca estrago seus planos - falei brava -
- sempre estraga , sempre fica de ''mimi'' e me desconcentra ai eu acabo perdendo a minha ''vitima '' 

ele tirou a mão da minha coxa e travou o maxilar olhando pra estrada 

- vou visitar meus pais esse final de semana - falei brincando com meus dedos - 
- não vai nada - falou me olhando - 
 - mas eu prometi a eles Jason - falei suplicando -
- Foda - se você não vai - falou gritando - 
 - não precisa gritar - falei no mesmo tom - 

ele parou o carro e me olhou incrédulo 

- você gritou comigo sua vagabunda - perguntou me olhando - 
- me desculpa - falei me encolhendo no banco - 

ele enfiou a mão em meu rosto...sim ele havia me dado um tapa eu segurei o choro

- quando você aumentar a voz pra mim eu vou quebrar sua cara   - ele falou segurando meu rosto forte -
- ta bom desculpa - falei

ele ligou o carro indo pra sua casa   eu apenas fiquei calada no meio do caminho tinha alguma viaturas olhei pro Jason e a unica coisa que pensei foi fudeo.

Welcome

Only Friends - Prologo + sinpose + personagens

Nenhum comentário: | |

Sinpose 

Conheci Jason nos piores momentos da minha vida eu tinha 12/13 anos e ele 15  ele me ensinou tudo que eu sei Jason foi meu amigo desde que me disse 

Jason tirou minha virgindade aos meus 14 anos ele já havia 16  Jason foi meu amigo e meu pior inimigo ele começou a me bater e dizer que era superior a mim Jason havia me deixado com medo ele me chamava de vadia e etc. eu ao me entregar a Jason me tornei a sua vadia.

Personagens 


Katherine Colins (idade :19) 

Carinha de menina meiga , mas cuidado todo anjo tem seu lado mal 


Jason Mccan Bieber (idade : 21 ) 

assasino a sangue frio Jason está pouco se fodendo  pras suas atitudes Jason é procurado em 9 estados dos Estados unidos e Canada 

Prologo 

- acho que não deviamos está aqui Jason 
- Cala a boca - falou ele grosso como sempre - 
- Grosso - 
- Ja mandei você calar a boca vai acabar com o plano 

logo vi um cara sair daquela enorme casa Jason deu um sorriso psicopata e ligou o carro ele acelerou o carro e atropelou o cara o olhei 

- está louco ? 
- Sou Jason Mccan Baby 

------------------------------------------------------------------------------------------------------------
então ai está a Sinpose  comentem ^^





Fix a Heart. - Prologo

2 comentários: | |

Encontrava-me com medo e frio, correndo por aquela floresta, eu apenas queria um abrigo, eu estava fugindo da realidade eu era apenas uma garota indefesa que foi machucada pelo mundo grande mundo malvado afora.

Sentia meus lábios seco e rachados, minhas pernas doíam sem parar, minha cabeça lateja, lagrimas insistiam em cair, eu não sabia nem ao certo onde estava, em meio aquela grande floresta, eu estava totalmente perdida tentando encontrar uma saída, o sol ia se pondo quanto a noite vinha tomando os céus, abracei a mim mesma chorando pedia a Deus ajuda!
Sentia minhas forças sendo tomadas, eu não iria conseguir, mas não podia desistir, eu tinha que fugir, eu tinha que tentar...
Cai no chão já sem forças alguma, tomada pela dor e o cansaço, com os olhos semi-serrados podendo enxergar apenas borrões, vi uma pequena luz em borrões, esfreguei meus olhos permitindo-me ver bem, e levantei sentindo-me um pouco tonta, rastejei-me até que pude me aproximar um pouco daquela luz e pude ter uma visão melhor do que acontecera...
Vi uma grande casa, apenas um comodo aceso, parecia abandonado, o que custaria pedir ajuda... já próxima a cabana subi os poucos degraus daquela pequena varando e bati na porta com as costas da mão gritando por ajuda, ninguém ouvia-me, não recebi nada em resposta.
Até que percebi a porta entreaberta eu estava hesitando em entrar, mas logo me dispus-me a passar por aquela porta, deparando-me com cômodos vazios totalmente arejados, poucos empoeirados não parecia tão abandonado assim.
- hey alguém, ai por favor ajude-me!- gritei já sentindo minha voz falhar.-
Eu já não aguentava mais ficar de pé, quanto mais eu andava mais eu sentia que caia, rastejei-me até as escadas que dava para o comodo de cima, segurei sobre aquele corrimão antes de subir, mas eu não iria aguentar já que vi minha visão se falhar, e minha respiração diminuir, meu corpo caia aos poucos.
- ajude-me por favor!- disse em um ultimo suspiro ao ver um borrão no topo da escada, acho que seria alguém.-
Após isso não vi mais nada a num ser sentir meu corpo se chocar contra o chão, fazendo-me desligar de tudo.
...
Acordei sentindo meu corpo dolorido e minha cabeça latejar, novamente enxergava apenas borrões, esfreguei minha vista tendo um foco melhor do que via a minha frente. Vi um homem sentado a uma poltrona em frente a mim, ele me encarava friamente com um olhar sério, levantei-me sentando-se acho que era um sofá onde eu me encontrava, ou não?
Levei minhas mãos a minha cabeça sentindo um pouco tonta e logo voltei a fita-lo.
- quem é você?- saiu quase como um sussurro.-
- quem faz as perguntas e impõem as ordens aqui sou eu porra, quem é você?- ele era extremamente grosseiro e seco no modo em que falava.-
- eu... sou (seunome)!- dizia sem expressão alguma.-
- porque invadiu minha casa?- ele ergueu a sobrancelha um tanto ameaçador.-
- eu, eu apenas queria ajuda, não era a minha intenção eu posso jurar... c-como se chama?
- Jason... Jason McCann.- ele falava sem expressão alguma, não fazia esforço algum para ser ao menos gentil ou simpático, ele era totalmente frio.-

Devo continuar meninas, sim ou não? Vamos eu estou animada para está IB criminal... :D Vamos lá apenas um comentário por favor! ☺☻☺